Na última segunda-feira (24), o grupo Juventude em Foco do Cras de Fartura participou da Oficina de Culinária, ministrada pelo orientador social, Claudinei Garrote. O grupo foi desenvolvido pela equipe do Centro de Referência da Assistência Social - Cras Ângelo Lucarelli com o objetivo de instituir um grupo de apoio e convivência para adolescentes em situação de vulnerabilidade social e riscos residentes nos bairros Vila Nossa Senhora de Fátima, Parque das Flores, Jardim da Serra, Bela Vista e Cidade Feliz a proporcionar-lhes a melhoria da qualidade de vida, através do fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários. 
O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) é um serviço da Proteção Social Básica que é ofertado de forma complementar ao trabalho social com famílias realizado por meio do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF). É uma forma de intervenção social planejada que cria situações desafiadoras, estimula e orienta os usuários na construção e reconstrução de suas histórias e vivências individuais, coletivas e familiares.
O serviço tem como objetivo fortalecer as relações familiares e comunitárias, além de promover a integração e a troca de experiências entre os participantes, valorizando o sentido de vida coletiva. O SCFV possui um caráter preventivo, pautado na defesa e afirmação de direitos e no desenvolvimento de capacidades dos usuários. Debater as dúvidas e dificuldades do período da adolescência, construir vínculos familiares e sociais e promover a integração e a troca de experiências entre os participantes. Esses são alguns dos objetivos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) que o Centro de Referência em Assistência Social Angelo Lucarelli está iniciando para os adolescentes na faixa etária de 15 à 17 anos.
A atividade, que tem o acompanhamento da psicóloga Rafaela Campeão do Amaral e da assistente social Juliana Vieira, está sendo realizada quinzenalmente às segundas-feiras, das 13h30 às 16h00, na sede do Cras Ângelo Lucarelli, localizado à Avenida João Rocha de Andrade, nº 589, Vila Nossa Senhora de Fátima. 
Nesse sentido, são realizados os encontros com vista a promover um espaço aberto de discussões e reflexões sobre a fase da adolescência e seus dilemas, bem como para orientações sociais. Pretende-se ainda com este grupo de apoio e convivência, auxiliar os adolescentes atendidos a construírem um projeto de vida direcionado à conquista dos objetivos pessoais e profissionais, livre do uso de drogas, da violência e, sobretudo, consciente da importância do exercício da cidadania.
Segundo Adelita Garcia de Andrade, coordenadora da Cras Ângelo Lucarelli, a atividade quer despertar nos adolescentes o sentido da vida em coletividade e a importância da participação comunitária “o serviço possui um caráter preventivo, pautado no protagonismo, na defesa e afirmação de direitos e no desenvolvimento de capacidades dos jovens”. 
O QUE É O CRAS? O Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) é uma unidade municipal, que oferece serviços voltados às famílias. Suas ações visam prevenir situações de risco, fortalecendo vínculos familiares e comunitários. O objetivo é contribuir para a melhoria da qualidade de vida das famílias e proporcionar o acesso aos outros serviços do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e às demais políticas públicas.